Creme de Papaia com Cassis (sugestão para o Dia dos Namorados)

cassiscover-660x437

Ontem fomos à casa da Pri pra um churras e chegamos atrasados, estrategicamente pra sobremesa (mas não foi de propósito, eu juro).

 

E a sugestão é para o dia dos namorados que vem chegando…

Anote os ingredientes:

3 unidades de mamão papaia;

Meio pote de sorvete de creme;

Licor de cassis a gosto.

Preparo:

Limpe, descasque e tire as sementes da fruta. Corte em cubos e bata no liquidificador com o sorvete até virar um creme. Coloque em taças individuais (e se quiser, leve ao freezer por 15 minutinhos pra manter a textura de sorvete, ou não), coloque uma colher de sopa de licor de cassis (ou mais) por cima do creme e sirva. Hummm… Delícia! 😉

Obs.: Não faça a receita com muita antecedência, pois o mamão pode escurecer.

 

Milkshake de Leite em Pó

hqdefault

Delícia!

Já tomou? Se a resposta for não, você não sabe o que tá perdendo.

Anota aí:

– Sorvete de creme de qualidade (sem miséria, vale a pena gastar um pouco mais e ter um sorvete cremoso na mesa. Acredite!);

– Leite em pó de qualidade (lembre-se, vale a pena! rs Pro resultado ficar top, você tem que tirar o escorpião do bolso, do contrário não compensa nem tentar fazer… é sério. rs);

– gelo.

Pegue seu liquidificador amigo e coloque um copo de sorvete, meio copo de gelo e meio copo de leite em pó. Bata.

Coloque o conteúdo num copo bem bonito, enquanto aprecia a consistência do Milkshake. Beba e sinta que o paraíso é aqui. rs

Pra fazer mais de um copo é só dobrar, triplicar, etc… Vai depender do número de pessoas (conte sempre uma receita por pessoa).  😉

 

Pizza de Frigideira – Caseira

shutterstock_1616815109-600x300.jpg

Esta receita eu “aprendi” no susto.

Sabe aquelas pizzinhas de frigideira que a gente compra no supermercado, pra ficar ali na zona de conforto, apreciando a preguiça? rs Pois é.

Dia desses resolvi inclui-la no cardápio do jantar. Fui ao mercado e comprei todos os ingredientes deliciosos para montá-la. Na hora de fazer, com tudo já engatilhado, notei que havia esquecido de comprar um item. Pois é, faltou “apenas” a pizzinha de frigideira. Coisa pouca, bobagem. Foi aí que apelei pra criatividade que estava adormecida e improvisei. Saca massa pra panqueca? Pois é. rs

Fiz a massa bem fininha e montei como pizza de frigideira. Não fica igual a original, mas não deixa de ser uma versão. Na hora do desespero é uma opção e tanto. Anote:

1 copo de leite

2 ovos

1 copo de farinha de trigo

1 colher de sopa de óleo ou azeite

1 pitadinha de sal

Coloque tudo no liquidificador e deixe até ficar homogêneo. Pré-aqueça uma “panquequeira” ou uma frigideira (daquelas que não grudam) com um fio de óleo ou azeite. Depois que esquentar o óleo, coloque a mistura com uma concha (dessas de feijão). Distribua o líquido por toda a frigideira, de maneira uniforme. Não coloque muito, apenas o suficiente para conseguir uma massa fina. Deixe assar rapidamente, até que ela comece a ficar sólida e a borda dourada. Com a ajuda de uma espátula ou espumadeira (como preferir), vire a massa e deixe dourar do outro lado. Reserve.

Repita o procedimento até acabar a mistura do liquidificador. (Ah! Pra aumentar a receita, dobre os ingredientes).

Depois monte a “pizzinha”: passe molho de tomate, coloque queijo e invista no recheio que preferir: carne, 4 queijos, frios, frango, peito de peru, etc. Agora faça o mesmo procedimento da opção comprada no mercado: coloque a massa já montada na frigideira com tampa, leve ao fogão em fogo baixo e aguarde 1 minutinho só pra derreter o queijo e aquecer os demais ingredientes. Tá pronto!

Iogurte de Morango (Líquido)

Vitamina-Pos-Treino-596x384

Foi convidado pra um café da manhã colonial e não sabe o que preparar?

Pois, é. Eu também não saberia… Mas dia desses estive num hotel-fazenda incrível com refeições incríveis e café da manhã digno de ser repetido várias e várias vezes. Foi lá que eu tomei o melhor iogurte natural de morango da minha vida. Sabe? Daqueles que você tomaria a manhã inteira? O dia inteiro? A vida toda? Pois é, era desses.

Óbvio que eu não sei copiar, mas não custa tentar.

Bom… Voltando à história do convite pra um café da manhã… Se você quer agradar, levando algo deliciosamente gostoso, anote:

– Vá ao mercado e compre duas garrafas de iogurte de morango (1L). Sem miséria. Escolha aquele que você adora e não o mais barato. Aproveite e compre uma lata de leite condensado de marca boa, por favor. Pra finalizar selecione morangos vermelhos, lindos e maduros. De preferência, os maiores, pra fondue.

Ao chegar, higienize as frutas, bata tudo no liquidificador e sirva bem geladinho!

Hummm!

Sobremesa de Dia dos Pais

sorvete-caseiro-4

Quer surpreender seu pai e mostrar que você é especialista em sobremesa? Mesmo sabendo que no fundo você não tá com essa bola toda? Então anote!

Lembra daquela receita de sorvete (de 4 latas)? Então, vamos adaptá-la. Anote aí:

Liquidificador

*Não jogue a lata do leite condensado no lixo antes de finalizar tudo. É graças a ela que esta receita existe.

Ingredientes:

Leite Condensado

Creme de Leite

Leite em Pó

Leite

*Doce de Leite ou Brigadeiro a gosto (do seu pai) rs

*Nozes a gosto

*Castanha do Pará a gosto

*Castanha de Caju a gosto

* ingredientes diferenciais da receita original

Jogue todo o conteúdo do leite condensado e do creme de leite no liquidificador. Pegue a lata de leite condensado vazia e use como medida para o leite líquido e o leite em pó. Bata tudo no liquidificador. Numa forma devidamente preenchida com uma linda, saborosa e espessa camada de doce de leite ou brigadeiro, coloque a mistura do sorvete e disponibilize as castanhas e nozes. Leve ao freezer. Deixe congelar e está pronto. Depois é só desenformar; raspar o doce de leite ou brigadeiro que permanecer no fundo da forma, distribuí-lo por cima do sorvete; e servir. Hummm!

Sobremesa para o Dia dos Namorados

Crepe-Doce.jpgQuer fazer uma receita especial? Então anote essa receita que é sucesso!

Não precisa se descabelar que é tudo muito fácil. Cê pode até dizer que teve um trabalhão pra preparar…

Então chega de papo-furado e vamos lá!

Lembra daquela receita de sorvete (de 4 latas)? Então, vamos adaptá-la. Anote aí:

Liquidificador

*Não jogue a lata do leite condensado no lixo antes de finalizar tudo. É graças a ela que esta receita existe.

Ingredientes:

Leite Condensado

Creme de Leite

Leite em Pó

Leite

Doce de Leite (ingrediente diferencial da receita original)

Castanha e nozes (se quiser)

Jogue todo o conteúdo do leite condensado e do creme de leite no liquidificador. Pegue a lata de leite condensado vazia e use como medida para o leite líquido e o leite em pó. Bata tudo no liquidificador. Numa forma-magia em formato de cuore (ou coração, como preferir rs) devidamente preenchida com uma linda, saborosa e espessa camada de doce-de-leite-delícia, coloque a mistura do sorvete e leve ao freezer. Deixe congelar e está pronto. Depois é só desenformar e servir e com um acompanhamento.

Anote o acompanhamento:

Vá ao mercado e compre um pacote de pizza de frigideira. Na hora de servir o sorvete, aqueça a massa individualmente na frigideira por 2 ou 3 minutinhos (um pouco de cada lado). Leve a massa ao prato e divida ao meio. Com uma colher de sopa, espalhe o doce de leite num dos lados, distribua as castanhas e nozes por cima, cubra com a outra metade da massa. Sirva com o sorvete. Delíciaaaa!

Limonada Suíça

Limonada-Suiça

Parece muito fácil, mas confesso que passei a vida errando essa receita. O melhor, ou pior, é que eu sempre errava, mas nunca desistia. O suco ficava amargo e a gente tomava o primeiro e último gole fazendo careta.

Aí, dia desses ao telefone com a minha mãe (que é pós-graduada na cozinha e no fogão), comentei a situação:

– Mãe? Me conta uma coisa: como você fazia aquelas limonadas refrescantes que marcaram a minha infância?

– Com limão, água e açúcar, ué. Fatia, bate e coa.

– Tá, isso eu sei (minha mãe acha tudo muito óbvio). Mas o meu fica amargo.

– Ah! Você bate muito no liquidificador?

– Ah, bato normal.

– Normal quanto?

– Sei lá, um minuto, mais ou menos. Pra fazer bastante espuma e ficar bem bonito!

– É por isso! Tem que ser só uma batidinha, por alguns segundos. Quanto mais bate, mais amargo fica.

– Como assim?

 

:0

Você vai precisar de liquidificador, coador, colher e copo. Agora anote aí os ingredientes:

2 Limões tahitis ou sicilianos

1 L de água (ou água e gelo)

Açúcar a gosto

Como fazer?

Corte os limões em 4 e bata no liquidificador com água e açúcar (bem rapidão). Coe e sirva na sequência (pois se deixar pra tomar mais tarde, também azeda).

Fim!

Ovo de Páscoa (Recheado de Nutella)

13516445_612917055550383_1164189655709584189_n.jpg

A Páscoa já foi, mas os chocolates estão aí e o assunto ainda toma conta de muitas rodas de conversa. Então, anote a receita pro ano que vem. rs

Sumêmo! Resolvi me arriscar aos 45 do segundo tempo, mas descobri que fazer ovos não é nenhum coelho de sete cabeças. Pelo menos se for fazer pra você e pro pessoal da sua casa (sem frescura e sem medo de ser feliz).

Comecei procurando receitas de ovos de páscoa e durante a pesquisa, encontrei receitas parecidas ou iguais… E eu ficava indignada com aquela parte que você vira a forma de cabeça pra baixo e deixa o excesso de chocolate escorrer. Como assim, deixar o chocolate escorrer? Não, não. Isso está fora de cogitação. Chocolate é bom demais pra deixar escorrer… Desta forma parei de ler as receitas e adaptei, fazendo uma versão “quebra-galho” sem desperdícios e sem sujeiras (dá até pra comemorar).

Anote aí:

Você vai precisar de forminhas de ovos

Chocolate de sua preferência: ao leite, meio-amargo, branco ou blend (de marca boa, sem miséria)

Bombom pronto (rsrs)

Nutella

Forma

Panela

Água quente

Água gelada

Fogão

Faca

Colher

Freezer ou congelador

Pratos de sopas

E muita vontade de comer chocolate!

Lave as forminhas, afinal você não vai querer usá-las do jeito que vieram da loja, certo? Deixe que a natureza se encarregue de secar (nada de passar pano de prato que solta fiapinhos, ok?).

O próximo passo é colocar as forminhas no freezer ou congelador. Deixe lá… Vá jogar conversa fora no telefone, assistir TV, tomar um cafezinho. Depois de um tempinho, uns 30 minutos, derreta o chocolate em banho maria. Lembra, né? Aquele esquema de esquentar água numa forma com a panela dentro? Então. É esse mesmo. Coloque o chocolate na panela e não deixe, nem mesmo, meia gota de água cair dentro da panela. Sim, uma mísera gotinha de água pode destruir todo o seu chocolate, portanto cuidado!

Chocolate derretido? Vá tomar outro café, fazer outra ligação, responder um e-mail. Deixe o chocolate esfriando por uns 10 minutinhos.

Minutos passados, encha o prato de sopa com água gelada. Agora vá ao freezer e pegue sua forma geladinha. Coloque dentro do prato de água e vá adicionando o chocolate no espaço que forma o ovo. Distribua bem com uma colher e leve ao freezer. Deixe lá por uns 15 minutos.

Pegue a forma novamente, coloque no prato de sopa com água gelada e coloque a segunda camada de chocolate. Distribua bem e volte ao freezer por mais 15 minutinhos.

Pegou o “segredo”? É trabalhar com baixas temperaturas: facilita muuuuito.

15 minutinhos depois, coloque Nutella no seu projeto de ovo, espalhe por toda a parte (não demore muito, pro chocolate não derreter), volte ao freezer por mais 15 minutos.

Pronto? Forma, prato, água gelada. Cubra a Nutella com mais chocolate. Espelhe bem. Coloque chocolate sem miséria. Sempre que necessário, vá virando a forma pro chocolate ir preenchendo os lugares necessários. Volte ao freezer com o prato de sopa com água gelada e tudo. Deixe gelando.

20 minutos depois, tire do freezer. Vire a forminha num prato seco. O ovo sai lindo, brilhante e bonitão. Repita todo o procedimento para a outra metade. Se quiser fazer esta parte com chocolate branco, saiba que ele é mais chatinho pra derreter. Eu até deixo um restinho do chocolate ao leite na panela, pois parece que facilita o derretimento do branco. Pode ser ilusão, mas parece que dá certo. Rsrs

Depois que tudo estiver pronto é só colocar os bombons de sua preferência dentro dos ovos, embrulhar e tá pronto! 😉

Quanto à parte do choque térmico das receitas tradicionais, como você pode notar, eu faltei daquela aula e aqui não foi feito nada a respeito, até porque não faço ideia como faz. Pra não ter erro, o negócio é guardar os ovos na geladeira que não tem tempo ruim.

Beijinho de Cenoura

13528682_612883648887057_3190249450842197431_n– O que? Cenoura?

– “Sumesmo”, cenoura! 

Esta é uma daquelas simpáticas receitas que seus pais inventavam pra te obrigar a comer um legume sem o seu consentimento. Naquela onda do ditado popular: o que os olhos não veem, o coração não sente. Mas feito por nossos pais não é pecado, certo? Era pra gente crescer mais forte, corado e robusto. Tá perdoada, mãe! Tá perdoado pai!

Eu comi muito legume disfarçado. Soja que interpretava carne. Fruta que se transformava em doce. Fui muito enganada, pois eu fazia parte do Clube “Não Gosto Porque É Verde (mesmo sem experimentar)”.

E hoje quem está encobrindo uma cenoura (talvez indesejada) numa panela com ingredientes docinhos, sou eu! 

– E fica bom?

– Fica incrivelmente bom! Aqui em casa acabou em questão de segundos!

– Uau! Passa essa receita logo.

– Demorou!

Vamos lá? 

Do que vai precisar?

Panela

Colher

Xícaras

Liquidificador

Fogão 

Ingredientes:

1 cenoura ralada

1 xícara e meia de leite em pó

2 colheres (sopa) de amido de milho

½ xícara de açúcar

5 colheres (sopa) de coco ralado

1 colher (sopa) de margarina

1 xícara de água

– O que? Não vai leite condensado nesta receita?

– Não.

– E mesmo assim fica bom?

– Opa! 

Como fazer:

Bata tudo no liquidificador, exceto a margarina. Quando estiver homogêneo, desligue e reserve. Numa panela, aqueça a margarina. Acrescente o conteúdo do liquidificador e mexa até engrossar um pouco. Desligue o fogo e deixe esfriar. Leve à geladeira. Depois que gelar, ataque com a colher ou seja mais delicada e enrole, passando no coco ralado e acondicionando em forminhas coloridas. Muitoooo bom!