Iogurte de Morango (Líquido)

Vitamina-Pos-Treino-596x384

Foi convidado pra um café da manhã colonial e não sabe o que preparar?

Pois, é. Eu também não saberia… Mas dia desses estive num hotel-fazenda incrível com refeições incríveis e café da manhã digno de ser repetido várias e várias vezes. Foi lá que eu tomei o melhor iogurte natural de morango da minha vida. Sabe? Daqueles que você tomaria a manhã inteira? O dia inteiro? A vida toda? Pois é, era desses.

Óbvio que eu não sei copiar, mas não custa tentar.

Bom… Voltando à história do convite pra um café da manhã… Se você quer agradar, levando algo deliciosamente gostoso, anote:

– Vá ao mercado e compre duas garrafas de iogurte de morango (1L). Sem miséria. Escolha aquele que você adora e não o mais barato. Aproveite e compre uma lata de leite condensado de marca boa, por favor. Pra finalizar selecione morangos vermelhos, lindos e maduros. De preferência, os maiores, pra fondue.

Ao chegar, higienize as frutas, bata tudo no liquidificador e sirva bem geladinho!

Hummm!

Cozinheiros de Primeira Viagem no facebook

Ficou mais fácil acompanhar as receitas do blog!

O Cozinheiros de Primeira Viagem agora está no facebook. Curta a Página, acompanhe, comunique-se e seja também mais um Cozinheiro de Primeira Viagem! 😉

Acesse e se gostar, curta:

http://www.facebook.com/CozinheirosDe1Viagem

Cookie Caseiro

13226857_592096060965816_6644630283614272744_n

Comprar esta delícia no supermercado está cada dia mais caro.

Quando eu morava com meus pais, aproveitava e me esbaldava, pois eles compravam. Hoje, não tenho coragem de pagar tão caro num pacotinho que acaba tão rápido.

Tá certo que é uma delícia, mas eu invisto nesta guloseima raramente. Então resolvi colocar as mãos na massa e fazer.

– Fica igual?

– Igualzinho não fica, confesso. Mas fica muito bom, pode acreditar!

E aí? Vamos começar a receita?

– Simmmm!

Vai precisar de:

Forma de alumínio

Bacia

Colheres

Fogão

Forno de microondas

Força nas mãos

Vontade de melecar as mãos

Ingredientes:

1/3 de xícara de aveia

1/3 de xícara de açúcar mascavo

1/3 de xícara de açúcar branco

1/3 de xícara de granola

4 colheres (sopa) de margarina sem sal

1 ovo batido

1 xícara bem cheia de farinha de trigo

1 colher (chá) de fermento

300g de chocolate ao leite picadinho

1 colher (chá) de essência de baunilha

– Essência de baunilha? Que isso?

– É pra auxiliar no sabor. Você encontra em qualquer supermercado na prateleira de fermento e afins.

– Ah tá!

Como fazer:

Numa vasilha misture a aveia, o açúcar mascavo, o açúcar comum, a granola, a farinha, o fermento e o chocolate. Mexa bem até ficar homogêneo. Reserve.

Numa xícara derreta a margarina, colocando 5 segundos no microondas. Em outra xícara, quebre o ovo (e verifique se não está estragado). Adicione a margarina derretida, o ovo e a essência na vasilha com os demais ingredientes. Misture tudo com as mãos até ficar uma massa homogênea e consistente.

-Tem que ser com as mãos, mesmo?

– Tem sim. E elas devem estar limpinhas, hein?

– Com colher não dá certo?

– Não, pois você irá amassar, apertar, misturar e mexer (tudo ao mesmo tempo), e a colher sozinha não faz isso. Coloque logo as mãos na massa, sem medo de ser feliz. É como brincar na areia da praia.

– Ok!

Massa pronta, lave as mãos e unte a forma. Com a ajuda de uma colher de sopa (use como medida), coloque porções (em formato de disco) espalhadas (com um pouco de distância para não grudar). Leve ao forno em fogo médio pré aquecido por 5 minutinhos e deixe assar por aproximadamente 12 ou 15 minutos.

Tire do forno e espere esfriar (os biscoitinhos irão endurecer enquanto esfriam, ficando com a consistência do cookie). Tá pronto! Hummmm!

Ah! Se quiser fazer a versão de chocolate, apenas acrescente 4 colheres (sopa) de chocolate me pó. Fica muito bom, também.

Iogurte Natural

13165975_592083147633774_1060994513798959836_nA receita de hoje é incrível, pois ela é versátil, gostosa, fácil de fazer e muitoooo econômica!

– Aí sim!

Diferente da primeira receita de iogurte que postei, esta é uma versão natural e líquida (pra beber). Lembram que a anterior era pra comer de colher, certo?

Do que vai precisar:

Panela com tampa

Fogão

Colher

Toalha de banho

– O queeee? Toalha de banho?

– Isso mesmo. Acompanhe a receita e verá que isso fará sentido, por incrível que pareça!

– Então tá!

Ingredientes:

1L de leite

1 copinho de iogurte natural (aquele mais líquido)

– Só isso? Tá de sacanagem, né?

– Não mesmo. Acompanhe!

Como fazer:

Ferva o leite. Depois desligue o fogo, tampe a panela e reserve até ficar morno (mas é morno mais pro lado do frio do que pro quente rs ). Isso é importante, pois é esta temperatura que deixará o iogurte na consistência certa, ok?

– Ok! Morninho quase ficando em temperatura ambiente. “Podexá!”

Misture o iogurte natural. Mexa bem. Feche a tampa novamente e envolva a panela numa toalha (de banho) pra ajudar a manter a temperatura. Se estiver perguntando o motivo da toalha ser de banho, a resposta é simples: ela é mais grossa e esquenta mais que a toalha que você usa na cozinha.

Toalha de banho limpa, hein pessoal? Nem preciso falar que não pode ser usada.

Deixe a panela com a toalha quietinha, descansando por 8 horas.

– 8 horas descansando? Isso é uma bela noite de sono, isso sim!

– É pode ser.

zzZZzzZZ

8 horas depois…

– Pode atacar?

– De jeito nenhum. Não pode. Arnaldo César Coelho já diria que a regra é clara: após as 8 horas, desembrulhe a panela da toalha. Coloque a toalha pra lavar e leve a panela à geladeira.

Depois que estiver geladinho, coloque o conteúdo numa linda jarra de vidro e pronto! Já pode consumir!

– Oba!

Pode manter o iogurte natural na jarra e misturar em cada porção os ingredientes de sua preferência: frutas, mel, açúcar, aveia, granola e cereais. Não tudo necessariamente misturado na mesma porção.

Se preferir, pode adicionar na receita toda (ainda na panela, depois de gelar e antes de colocá-la na jarra) um pacotinho (ou menos) de suco em pó de morango. Mexa muitoooo bem (e despeje tudo na jarra). Fica praticamente igual aos que você compra no supermercado. Delíciaaaa!

Suco Natural

13173731_592081927633896_8336520735304336593_nA receita de hoje, pra variar um pouco, é um suco delicioso e todo natural. Hummmm!

Gostoso, nutritivo e lindo.

– Lindo?

– Lindo! A cor e a consistência, visivelmente falando, são lindas. E é muito, muito fácil.

– Aí sim vi vantagem!

Do que vai precisar:

Espremedor de laranja

Liquidificador

Colher

Faca

Ingredientes:

3 laranjas grandes (pêra ou lima)

– Mas é laranja, lima ou é pêra?

– É laranja pêra ou lima. Existe laranja lima, laranja baiana, laranja pêra. Entendeu?

– Ah tá!

Continuando

Meia manga fatiada (a que você preferir)

Meia beterraba ralada

¼ de cenoura ralada

1 colher (sopa) de açúcar

Gelo a gosto

Como fazer:

Higienize os ingredientes e tire as cascas. Esprema as laranjas e leve o caldo ao liquidificador. Acrescente a beterraba ralada, a cenoura ralada, as fatias de manga, o açúcar e as pedras de gelo. Bata tudo até ficar homogêneo. Hummmm!

 

Arroz Branco

12670913_558487717659984_3077250632643174955_nA receita de hoje é a base de qualquer almoço: arroz.

Como minha mãe costuma dizer: fazer arroz não tem ciência nenhuma… Pra ela né? Que arrebenta na cozinha.

Confesso que meu primeiro arroz foi uma tragédia. Minha família tinha viajado e resolvi me aventurar na cozinha. O resultado foi uma colher grudada no arroz e o arroz grudado na panela. Foi tudo pro lixo. É que resolvi ficar mexendo a receita durante o cozimento… rs

– Isso pode Arnaldo?
– A regra é clara: pra quem não sabe, isso é proibido! Não pode.

Pois é. Eu aparentemente não tinha prestado a atenção nesta parte.

Alguns anos depois, quando saí da casa dos meus pais, fui me virando com comida congelada até resolver criar vergonha na cara e aprender a fazer algo além do macarrão instantâneo.
Liguei pra minha mãe pra entender os segredos do arroz. Ela riu, mas me explicou. Eu mais que depressa anotei tudo e segui a receita do arroz por um bom tempo. Acho que eu era a única pessoa do mundo que preparava arroz, seguindo receita e usando o despertador do celular (óbvio, pra diminuir o fogo na hora certa e não deixar queimar).

Naquela época, eu também preparava um prato de cada vez.

Um dia, um amigo veio cozinhar em casa e fiquei impressionada… Ele fazia tudo ao mesmo tempo… Várias panelas no fogão… Fogo aceso nas quatro bocas, e eu querendo cronometrar tudo. Ele disse que não precisava. Aquilo foi inacreditável. Ele já cozinhava como adulto. Quase perguntei se ele não queria aproveitar o intervalo pra deixar umas receitas prontas pra eu congelar. rs

Hoje, anos depois, já não uso mais o cronômetro, nem a receita… Eu consegui e acho que quase todo mundo consegue. rs

Receita: Arroz Branco

Vai precisar de:

Xícara
Colher de sopa
Panela com tampa

Ingredientes:

Arroz
Cebola
Alho
Óleo
Tempero pronto (de pontinho) ou sal
Água

Como fazer?

A lei do arroz é: para cada xícara de arroz, duas de água. Como esta receita é para cozinheiros de primeira viagem, vamos iniciar com uma xícara que é ideal para duas pessoas. Se precisar fazer mais é só aumentar conforme foi explicado. Outra coisa: aumente o tempero de acordo.

Corte a cebola e o alho em pedaços pequenos. Coloque uma colher de sopa de óleo na panela e em fogo baixo adicione, na sequência, a cebola e o alho. Frite rapidamente: por mais ou menos um minuto.

Junte uma xícara de arroz. Mexa rapidamente, fritando tudo.

Adicione duas medidas de água da mesma xícara que usou para o arroz.

Misture o tempero ou sal a gosto (pra quem não tem noção alguma, talvez uma colher de sobremesa, resolva… Depois é só adaptar nas próximas vezes rs).

Aumente o fogo para o máximo e deixe a tampa entre aberta. Cozinhe por volta de 5 minutos (se necessário, use o cronômetro rs).

Após o tempo de cozimento, observe se há “furinhos” no arroz (parece sem noção, mas é assim mesmo). Se não tiver, espere mais um pouquinho. Se sim, diminua o fogo (mínimo), feche a tampa completamente e aguarde aproximadamente 5 minutos.

Após o tempo, observe com a ajuda de uma colher se ainda há água no fundo da panela. Se tiver, aguarde mais uns segundos. Se não, está pronto. Só não deixe passar do tempo, pois queima.

Dica: pra quem gosta de praticidade, existe alho picado prontinho pra usar.

Iogurte Caseiro

12734029_558103004365122_8287752354155416399_nDepois deste projeto ficar parado por um bom tempo, retomaremos a ideia com a primeira receita!

Pra iniciar bem, vamos começar do começo: com café da manhã!

Tá certo que se você não sabe preparar um simples arroz, uma receita para café da manhã parece bastante inútil (já que você pode se virar e preparar um leite com achocolatado e pão com manteiga). Mas é tão simples e gostoso que vale a pena! Acredite! rs

Receita: Iogurte Caseiro

Do que vai precisar?

Caneca
Liquidificador

Ingredientes:

1 pacote de gelatina de morango
Água quente
1 lata de leite condensado
1 caixinha de creme de leite
1 copinho de iogurte natural

Como fazer?

Coloque o leite condensado, o creme de leite e o iogurte natural no liquidificador. Reserve.

Encha a caneca de água e leve ao microondas pra esquentar por 1 minuto. Dissolva a gelatina e mexa.

Adicione a gelatina dissolvida no liquidificador com os demais ingredientes. Bata por 1 minuto até que forme uma mistura homogênea.

Coloque num recipiente e leve à geladeira. Quando gelar estará pronto.

Fácil, né?